noticias Seja bem vindo ao nosso site Jornal Folha Sertaneja Online!

HISTÓRIAS & LEMBRANÇAS - Valdomiro Nascimento

O Município de Chorrochó, suas Belezas, sua Fé e suas Tradições!

Publicada em 08/05/24 às 14:30h - 910 visualizações

Valdomiro Nascimento


Compartilhe
Compartilhar a noticia O Município de Chorrochó, suas Belezas, sua Fé e suas Tradições!  Compartilhar a noticia O Município de Chorrochó, suas Belezas, sua Fé e suas Tradições!  Compartilhar a noticia O Município de Chorrochó, suas Belezas, sua Fé e suas Tradições!

Link da Notícia:

O Município de Chorrochó, suas Belezas, sua Fé e suas Tradições!
 (Foto: Divulgação Valdomiro Nascimento)

Com muita satisfação, registramos aqui o magnífico Universo do Município de Chorrochó, na Região Norte da Bahia, no meio do Sertão Brasileiro. Um Povo alegre, inteligente, bem informado e feliz. Vive da agricultura, da pecuária, da pesca e de muitas outras atividades. Enfrenta os tempos de seca, celebra os tempos de fartura e procura sempre o seu desenvolvimento e sua melhor qualidade de vida. 

Parabéns Chorrochó!

Veja a pesquisa Google:

A Lei estadual nº 510, de 12 de dezembro de 1952, desmembrou de Curaçá os distritos de Chorrochó e Ibó, para compor o novo município de Chorrochó, o qual foi instalado em 12 de setembro de 1954, com a posse de seu primeiro prefeito, Eloy Pacheco de Menezes (foto).

Em janeiro tem a belíssima Festa do Padroeiro Senhor do Bomfim, com a tradicional Levagem das Escadarias da Igreja. Na ocasião, todos os moradores e os “Filhos Ausentes” comparecem em grande estilo, numa verdadeira celebração.

Já em agosto é realizada a esperada Festa do Coração de Jesus, um dos grandes acontecimentos religiosos.

No mês de julho acontece a importante Missa dos Vaqueiros, Evento que começou por um grupo de amigos no ano de 1983. Com muito carinho, Adriana Maria de Araújo Menezes celebra com todos os Vaqueiros um marco na Cultura de Chorrochó e toda a Região. Que beleza de Festa, graças a Deus!

 

Um grande Artista chorrochoense contou a sua História, valorizando sua origem. Veja o registro de sua irmã, a Advogada Cleide Carvalho:

“Como esquecer do nosso querido João Soares (in memoriam), por nós conhecido como João de Abraão, que nos anos 80 ao se apresentar nos Programas de Calouros em São Paulo, fazia-nos reunirmos em frente à Televisão, todos orgulhosos pelo talento e pelo habitual gesto de enaltecer sua origem Chorrochoense”.

E também existe no Município, há mais de um século, a Fazenda Fabrício, propriedade de Teodoro Bernardes do Nascimento (meu tio legítimo) e Bernardina Gomes de Sena. Uma grande beleza arquitetônica, preservada até hoje pela sua Família!

 

No Distrito de Barra do Tarrachil, uma nova Cidade. A antiga está guardada nas águas do Rio São Francisco, pela Barragem de Itaparica. Uma grande beleza é a travessia de Balsa para o Estado de Pernambuco. O Povo é alegre, festeiro e muito desenvolvido. O Padroeiro é São Francisco de Assis, comemorado em outubro. Quanta riqueza!

O Povoado de São José também se destaca pela rica cultura de seus moradores, pelas manifestações culturais e pela devoção ao Padroeiro São José, com sua celebração no mês de março. Uma grande Festa, cheia de esperança e renovação de fé!

 Detalhe da frente da Igreja

 Altar da Igreja

No Povoado de Caraíbas, os moradores vivem com alegria e muita fé em Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, sua Padroeira. Conhecer Caraíbas é uma satisfação para os visitantes, tão bem recebidos por todos!

E no Povoado de Várzea da Ema, muita felicidade de seus moradores, com manifestações culturais, desenvolvimento, coragem e muito amor. A fé nos seus Padroeiros Santo Antonio em junho e Coração de Maria em maio, fazem deste Povoado um lugar muito especial.

Agradecemos a todos que ajudaram na construção desta Matéria, em especial a Adriana Araújo, Altenice Souza do Nascimento, Aninha Silva, Antonia Possidônio, Bil Lima, Cleide Carvalho, Dajilson Silva, Emanuel Rodrigues Alves, Geisiane Santos Oliveira, Ione Suamy, Ivanilda Nascimento, Judite Barbosa da Conceição Cruz, Jussara de Firmino, Keilla Caroline Belfort Almeida Ribeiro, Lourenço Júnior, Maria Oneide Gomes de Sá Martins, Osvaldo Rodrigues Feliciano, Valdeny Bernardo do Nascimento, Valtinho Nascimento e Vilma Brandão Jones.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

25 comentários


Oswaldo Feliciano

13/05/2024 - 15:22:25

Parabéns pela Belíssima Matéria da Comunidade de Chorrochó, por retratar a cultura desse povo, fé e região em toda sua história...


Diva

10/05/2024 - 21:28:16

Boa materia pela história do Chorrochó amigo Valdomiro.


Maria do Socorro Teles Soares Menezes

10/05/2024 - 11:53:01

Parabéns, meu amigo Valdomiro, pelo belo documentário! Você é um grande historiador! Fico orgulhosa por ter sido meu aluno, e muito agradecida por enaltecer um povo, do qual eu e meus filhos, com muito prazer, fazemos parte pela descendência do nosso querido e saudoso Nonô. Sem dúvida, vou fazer a divulgação.Um grande abraço!!!


Kinarde

10/05/2024 - 11:08:54

Repostagem com grande riquezas de detalhes! Parabéns Valdomiro, profissional de grande renome, continue se dedicando a imortalizar os acontecimentos e mantendo a história viva.


Rosa

09/05/2024 - 23:59:59

Excelente! Parabéns pela belíssima matéria!Hq


Paula

09/05/2024 - 22:48:20

Parabéns Valdomiro,por optar a cidade de Chorrochó para expor suas tradições culturais, e assim,enobrecendo nossos conhecimentos, apesar de residir tão próximos, ainda somos alheios em partes. Parabéns, a Folha Sertaneja e a todos os colaboradores.


Nara Maria Pereira Carvalho

09/05/2024 - 21:11:01

Parabéns a Valdomiro, esse grande literata, que com sua riqueza de conhecimentos e um vasto leque de colaboradores ilustraram mt bem essa matéria, dando mais ênfase e divulgação ao já conhecido e admirado munícipio de Chorrochó! Abraços ao Professor Galdino q tão bem sabe escolher seu quadro de redatores.


Maria Margarida

09/05/2024 - 12:37:56

Parabéns por sua dedicação e um bom trabalho, te adoro meu amigo!


Lílian

09/05/2024 - 08:12:37

Valdomiro e todos que contribuíram com a matéria, parabéns! Enaltecer a história de um povo é uma grande contribuição para a cultura e a memória daqueles que construíram as tradições.


Alberto Moura

09/05/2024 - 08:11:00

Parabéns pela belíssima material.


Adalberto Da Silva Damasceno

08/05/2024 - 22:50:08

Boa Noite excelente matéria sobre nossa querida Chorrochó eu amo ser filho de Chorrochó a minha família também faz parte da istoria de Chorrochó pois eu sou filho de Antônio Mendes Damasceno o famoso Antônio de abdô o meu avô era o único médico que Chorrochó tinha nos anos de 1965 a 1972 era médico e farmacêutico um dos melhores na quela época


Sílvia Maria

08/05/2024 - 22:44:25

Parabéns. Ótimo comentário a nossa cidade tem muitas histórias encantadouras. E precisa ser registradas.


Terezinha Carvalho

08/05/2024 - 22:40:44

Belíssimas matéria.Parabéns!


Jéssica Luísa

08/05/2024 - 21:57:30

Ótima matéria, onde mostra a nossa história, nossa cultura.


Antonia Possidonio dos santos Maciel

08/05/2024 - 21:48:06

Belíssima matéria! Vc amigo , como sempre é um grande historiador e Chorrochó não podia ficar com essas maravilhas escondidas entre montanhas, vales e riachos que cercam o município.Receba o selo ouro pelo documentário.Grande abraço.


Civalda

08/05/2024 - 21:45:26

Terrinha🫶🏻


Valdeny Bernardo do Nascimento

08/05/2024 - 21:32:19

Parabéns Valdomiro Nascimento por mais uma história referente a nossa querida cidade de Chorrocho por onde tenho respeito e admiração.


Salomão Júnior

08/05/2024 - 21:24:15

Belíssima Matéria


Cleide Carvalho

08/05/2024 - 21:14:33

Matéria excelente, repleta de memória afetiva! Obrigada, pela linda homenagem a nossa querida Chorrochó e seus municípios!


Magali Menezes

08/05/2024 - 20:51:59

Excelente matéria, como sempre!Val, vc é um grande historiador! Um abraço ao povo de Chorrochó!


Rodrigo

08/05/2024 - 20:48:15

Parabéns pela excelente matéria sobre a história de Chorrochó e em especial à homenagem ao cantor João Soares, que deixou um imenso legado à região.


Eloy Netto

08/05/2024 - 20:41:30

Matéria rica de conhecimento de nossa história.Nunca vamos desistir de Chorrochó. Eloy Pacheco de Menezes Netto.


Maria Clésia Gomes de Sa

08/05/2024 - 20:18:13

Parabéns pela belíssima matéria da nossa querida Chorrochó.


Marcos

08/05/2024 - 20:17:26

Excelente! Viva o povo chorrochoense e sua memória cultural!


Luiz Carvalho

08/05/2024 - 19:51:01

Muito boa matéria.


Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (75)99234-1740

Copyright (c) 2024 - Jornal Folha Sertaneja Online - Até aqui nos ajudou o Senhor. 1 Samuel 7:12
Converse conosco pelo Whatsapp!