noticias Seja bem vindo ao nosso site Jornal Folha Sertaneja Online!

Celebrando a VIDA

Fátima Moraes, a eterna baliza do COLEPA, celebrando a VIDA!

Publicada em 02/08/23 às 03:03h - 1349 visualizações

Antônio Galdino - atualizada dia 02/08/2023 às 07:34h com o acréscimo de fotos


Compartilhe
Compartilhar a noticia Fátima Moraes, a eterna baliza do COLEPA, celebrando a VIDA!  Compartilhar a noticia Fátima Moraes, a eterna baliza do COLEPA, celebrando a VIDA!  Compartilhar a noticia Fátima Moraes, a eterna baliza do COLEPA, celebrando a VIDA!

Link da Notícia:

Fátima Moraes, a eterna baliza do COLEPA, celebrando a VIDA!
 (Foto: Acervo de Fátima Moraes e de Antônio Galdino)

Nos últimos anos, desde 2008, quando os ex-alunos do Colégio Paulo Afonso decidiram se reencontrar e participar dos desfiles cívicos de 28 de julho e de 7 de setembro em Paulo Afonso, todos esperam pela presença da baliza do COLEPA por tantos anos, a Professora de Educação Física, Fátima Moraes que vivencia a toda hora a música Petrolina-Juazeiro, de Flávio Leandro e Jorge de Altinho.

Pois é: Fátima Moraes mora em Petrolina/PE e trabalha, ainda, em um Colégio Estadual de Juazeiro da Bahia, "atravessando a ponte, ai que alegria..."

Nos desfiles em Paulo Afonso, ela que revive em cada um deles, os gloriosos tempos de baliza da Banda Marcial do COLEPA, faz com que seus coleguinhas de antes, hoje barrigudos, barbudos e carecas senhores na terceira idade, assim como suas coleguinhas dos tempos adolescentes, esperem a sua chegada e há quem não esqueça de fazer uma associação do seu jeito como o jeito da Garota de Ipanema que inspirou Vinícius de Moraes e Tom Jobim a criar a canção imortal que fala dela, que, como mostraram na TV, um domingo desses. Também a nossa baliza continua “cheia de graça e formosura.”

A nossa baliza eterna do COLEPA é tal e qual a Garota de Ipanema com uma grande vantagem a favor dos ex-alunos do COLEPA. Ela é uma mistura de mãe paraibana com pai baiano e nasceu em Paulo Afonso-BA.

Outro detalhe que nos deixa envaidecidos e orgulhosos é a que a nossa baliza, que explode juventude na Avenida já está vivendo na terceira idade e é, aos 64 anos, pasmem, bisavó!

Vejam o privilégio da Associação de ex-alunos do COLEPA. Ter no seu quadro de associados, ex-alunos, uma jovem senhora, linda e cheia de graça, mãe de dois filhos que lhe deram seis netos e já três bisnetinhas...

Fátima Moraes é sobrinha da primeira diretora do Ginásio Paulo Afonso, Antonieta Moraes, nos anos de 1951/1952 e que recebeu de Deus a bênção da longevidade, vivendo exatos 97 anos, 7 meses e um dia, tendo falecido no dia 22 de agosto de 2021, em São Paulo.

Hoje, 2 de agosto de 2023, Fátima Moraes está celebrando a vida e não esconde de ninguém que festeja os seus 64 anos.

E mais, continua trabalhando, o que faz há 41 anos, como Professora de Educação Física ou Educadora Física, de uma escola estadual no município de Juazeiro e, por isso, como diz a canção, atravessa a ponte todos os dias porque trabalha em Juazeiro mas mora em Petrolina.

Numa conversa pequena via WhatsApp ela contou algumas passagens de sua caminhada por estas terras da energia onde nasceu, na Chesf, Rua do Gangorra, 318, da união de Helena Ribeiro Maciel Moraes, que veio Antenor Navarro, hoje São José do Rio do Peixe, na Paraíba, que veio a Paulo Afonso visitar uma irmã que já morava nesta cidade e olho bateu no de Antônio Cerqueira Moraes (irmão de Antonieta, a primeira diretora do Ginásio Paulo Afonso), topógrafo da Chesf, vindo de Feira de Santana/BA.

Fátima contou, entre sorrisos, que “todas as vezes que eu desfilava, era escondido de minha mãe, pois como filha única ela me castrava de tudo, tive uma criação muito presa”, como era bem comum naqueles tempos.

E continua a aniversariante do dia: “Eu participava do grupo de ginástica olímpica, quando surgiu a ideia de ser a baliza. A primeira vez, fomos um casal, a baliza e o balizo. O nome dele é Iranir, e nunca mais tive notícias dele. Depois desse desfile do casal, eu fiquei por uns 7 anos como a baliza oficial do SPEI, COLEPA”.

E tudo começou pelo trabalho de uma grande professora de Educação Física, Professora Marilena, esposa do Professor Fred que também deixou muitas marcas positivas no atletismo e em outras modalidades de esporte em Paulo Afonso.

Vejam o que diz a Educadora Física, Fátima Moraes:

“Desde pequenina gostei de ginástica de solo, onde participava da equipe de professora Marilene, foi quando surgiu o convite para ser a baliza do COLEPA.

Depois de tantos anos fora de Paulo Afonso, minha querida amiga Idalina (in memoriam), perguntou se eu tinha coragem de desfilar como baliza no encontro dos veteranos colepanos. Confesso que no momento hesitei, mas, depois meu coração falou mais alto. Porque não, eu representar o meu colégio do coração, o meu COLEPÃO de ouro? A timidez foi só a primeira vez, agora é só alegria, na minha agenda 28/07 e 07/09 são datas sagradas para desfilar.”

“Não consigo segurar as lágrimas quando passo na Avenida Apolônio Sales e as pessoas me reconhecem, e gritam "a eterna baliza"!!! Isso é muito gratificante e é o meu jeito de retribuir todo o carinho, amor e acolhimento que tenho de todos.”

Como sempre falo, o COLEPÃO é diferente, é o único Colégio que tem a baliza bisavó”!!!

Ah, jovem senhora! E o que podemos dizer a você nessa data especial e em todas as outras datas que você torna especiais?

Ficamos imaginando o orgulho dos teus filhos, netos, das bisnetinhas...

Quem sabe, da herança genética da bivó, dessas origens pauloafonsinas e sertanejas, brotem bailarinas que, lá na frente, vão arrancar os aplausos das futuras gerações?....

Por hoje, os colepanos do teu tempo e, certamente, de todos os tempos, alegram-se com a tua alegria, comemorando mais um aniversário dos muitos que ainda virão.

E daqui, das terras sertanejas e de muitos rincões desse Brasil, do mundo, onde estiver um ex-aluno, professor, diretor, funcionário das escolas da Chesf, desde o Adozindo em 1949 ao COLEPA, que fechou suas portas em Dezembro do ano 2000, em todos os lugares estarão colepanos aplaudindo a tua alegria ao chegar aos 64 anos com toda essa jovialidade, o que só foi possível porque, ao longo da caminhada, você foi mais forte que os muitos obstáculos e, com certeza, sempre houve muito amor envolvido nesse teu projeto de VIDA.

Celebre a VIDA todos os dias porque ela, a VIDA, renasce em nós a cada novo amanhecer...

Parabéns pelo aniversário, eterna baliza do COLEPA, Fátima Moraes!




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

6 comentários


Castinha

02/08/2023 - 21:58:10

Sempre será a mais bela baliza na Avenida de Paulo Afonso de corpo e alma.PARABÉNS merecido. Amei esse documentário


Inalda

02/08/2023 - 12:43:28

“Tu és divina e graciosa”Fafá, Luz e bênçãos!!!💖


Gené

02/08/2023 - 11:30:31

Parabéns orgulhosa por ela wue faz tudo por amor


Vitória Amorim

02/08/2023 - 09:29:45

Felicidades e saúde e que os anjos digam amém, parabéns pelo seu aniversário.Feliz vida e que venha muitos anos junto aos seus amores, Filhos, netos.


Vanda Amorim

02/08/2023 - 09:07:34

Fátima sempre foi uma baliza maravilhosa, inspiradora. Parabéns!Que Deus continue a abençoando com saúde e alegria para que você prosseguir brilhando nos desfiles, bisa linda!


Jacy Lima

02/08/2023 - 06:57:10

Meus VIVAS de hoje vai a nossa amiga e irmã e ETERNA BALIZA TE AMOOOOO desde sempre q


Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (75)99234-1740

Copyright (c) 2024 - Jornal Folha Sertaneja Online - Até aqui nos ajudou o Senhor. 1 Samuel 7:12
Converse conosco pelo Whatsapp!