noticias Seja bem vindo ao nosso site Jornal Folha Sertaneja Online!

Artes & Literatura - Em Destaque

A Academia de Letras de Paulo Afonso – ALPA - empossa sua nova diretoria. Dr. Isac de Oliveira é o novo presidente.

Chocolate, música, poesia, flores, na evocação da Cultura Literária

Publicada em 20/10/23 às 12:29h - 592 visualizações

Antônio Galdino


Compartilhe
Compartilhar a noticia A Academia de Letras de Paulo Afonso – ALPA - empossa sua nova diretoria. Dr. Isac de Oliveira é o novo presidente.  Compartilhar a noticia A Academia de Letras de Paulo Afonso – ALPA - empossa sua nova diretoria. Dr. Isac de Oliveira é o novo presidente.  Compartilhar a noticia A Academia de Letras de Paulo Afonso – ALPA - empossa sua nova diretoria. Dr. Isac de Oliveira é o novo presidente.

Link da Notícia:

A Academia de Letras de Paulo Afonso – ALPA - empossa sua nova diretoria. Dr. Isac de Oliveira é o novo presidente.
 (Foto: Nilton Alcântara (Negrito))

Chocolate, música, poesia, flores, na evocação da Cultura Literária

Esse o clima da solenidade de posse da nova diretoria da ALPA. Na chegada ao local do evento – Câmara Municipal de Paulo Afonso – todos eram recepcionados com uma mensagem de boas-vindas e um bombom. E no momento em que tomou posse, o novo presidente surpreendeu a todos distribuindo rosas vermelhas para as mulheres da ALPA presentes e para sua esposa, Maria Flávia, sua mãe, Maria Luzia e sua sogra, Maria Aparecida, momento em que todos foram agraciados com uma música cantada por Oscar Silva, ao violão. No momento das falas, Jotalunas trouxe um poema de sua autoria sobre Saudade...Momentos mágicos e tocantes, próprios de evento em que se evoca a Cultura Literária.

A solenidade de posse da nova diretoria da ALPA, realizada na Câmara Municipal de Paulo Afonso, no dia 18 de outubro de 2023 foi bastante prestigiada pela sociedade pauloafonsina. Nela, tomaram posse os novos diretores da Academia de Letras de Paulo Afonso – ALPA – eleitos no dia 11 de outubro que formaram a chapa única chamada A ALPA EM MOVIMENTO e assim formada: Presidente – Isac de Oliveiravice-presidente – Maria Socorro de Mendonça Gomessecretária geral – Maria Gorette Moreira2ª secretária –Maria Lúcia Teixeira Santos1º tesoureiro – Maciel Teixeira Lima e  2º tesoureiro – Jacques Fernandes Santos, que não esteve presente porque estava dando aulas no Instituto Federal de Alagoas - IFAL.

O Professor Antônio Galdino, presidente da ALPA, conduziu o cerimonial, compartilhando as ações com o novo presidente eleito Isac de Oliveira.

 

Presidente eleito, Isac de Oliveira, recebe o diploma de posse das mãos do presidente que sai, Antônio Galdino

Vice-Presidente eleita, Maria do Socorro de Mendonça Gomes, recebe o diploma de posse das mãos membro fundador, Edson Barreto

Secretária Geral eleita, Maria Gorette Moreira, recebe o diploma de posse das mãos membro efetivo, Jean Roubert

2ª Secretária eleita, Maria Lúcia Teixeira Santos, recebe o diploma de posse das mãos da membro fundadora, Maria do Socorro Araújo Nascimento

1º Tesoureiro eleito, Maciel Teixeira Lima, recebe o diploma de posse das mãos do membro fundador, Roberto Ricardo do Amaral Reis

O 2º Tesoureiro eleito, Jacques Fernandes Santos foi representado pelo presidente eleito Isac de Oliveira

 Uma vez empossado, coube ao novo presidente da ALPA, Isac Oliveira, dar posse aos membros do Conselho de Contas e Patrimônio, os conselheiros Jean Roubert Félix NetoEdson José Barreto dos Anjos e Gilmar Teixeira Lima, este último, por se encontrar em viagem, foi representado por sua irmã Lúcia Teixeira.

 Também foram empossados pelo novo presidente da ALPA os conselheiros do Conselho de Divulgação e ComunicaçãoFrancisco Nery JúniorAntônio Galdino da Silva e Aníbal Alves Nunes.

Dos membros da atual diretoria, esteve ausente, em viagem, a Secretária Geral, Jovelina Ramalho que enviou uma emocionada mensagem aos membros da diretoria lamentando não estar presente porque estava “na missão de mãe, apoiando um filho que fez uma cirurgia em Palmas/Tocantins”, mas desejando pleno sucesso aos novos eleitos.

Os outros diretores que se despedem, Anibal Nunes, Jotalunas Rodrigues  e  Maciel Teixeira ressaltaram a alegria de poder contribuir um pouco com os trabalhos da ALPA nestes dois últimos anos, destacaram o empenho do presidente Professor Antônio Galdino e formularam votos de profícua gestão da nova diretoria.

Em seu discurso de despedida, o presidente Antônio Galdino falou da sua luta para que a ALPA fosse, de fato, reconhecida na sociedade como uma instituição séria e preocupada com a preservação da história e da memória de pessoas e instituições de Paulo Afonso e pela atuação da ALPA junto às escolas de Paulo Afonso levando o incentivo aos estudantes para a prática da leitura e da escrita. Foi o que fez a ALPA com o Projeto O Escritor Vai à Escola, criado nesta Academia de Letras pela Professora Jovelina Ramalho e desenvolvido, nos últimos anos, por vários membros da ALPA que estiveram interagindo com estudantes de várias escolas municipais, inclusive no povoado Malhada Grande, zona rural do município e também em grandes colégios como o Colégio Boa Ideia.

Lembrou o Professor Galdino que, “desde que a ALPA foi fundada, em 20 de novembro de 2005, que luta por um espaço para realizar reuniões periódicas, mesmo de bate-papo, com sempre lembra o Professor Francisco Nery. Em 2014, com o empenho de membros da ALPA e do IGH, como os professores Antônio Galdino, Francisco Araújo Filho, José Fernando e Roberto Ricardo, conseguiu-se que o prefeito Anilton Bastos transformasse o antigo prédio da Câmara Municipal na Casa da Cultura de Paulo Afonso, com três pequenas salas, para a ALPA, o IGH e o Arquivo Público Digital (que nunca foi criado) e um pequeno auditório comum para todos. Esse auditório, pela carência de espaços para tal fim na prefeitura, logo se transformou comum também para uso de outras secretarias e a ALPA não teve o seu sonhado espaço para chamar de seu”.

E, continuou o Professor Galdino. Em 2020, o prefeito Luiz de Deus recebeu em audiência em seu gabinete o presidente da ALPA, Antônio Galdino, os diretores Maciel Teixeira e Socorro Araújo e os membros Francisco Nery e Jean Roubert, que na época já era vereador e era o líder do governo na Câmara e, nesse encontro, foi aprovada a criação pela Prefeitura de Paulo Afonso do Memorial Prefeito Abel Barbosa e Silva, para funcionar no prédio da antiga primeira prefeitura, conhecido como Espaço Cultural Raso da Catarina, conforme está na Lei 1.455/2020, aprovada por unanimidade da Câmara e sancionada pelo prefeito Luiz de Deus em 27 de outubro de 2020. Nessa Lei, ficou definida essa criação do Memorial Abel Barbosa e o seu funcionamento nessas instalações onde também seria a sede da ALPA que ficaria com a responsabilidade da administração desse Memorial Abel Barbosa onde estariam painéis fotográficos ou computadores e vídeos contando toda a história deste município. A sugestão desse local tomou por base as informações de sua ociosidade como está no Plano Municipal de Cultura, cuja lei de sua criação foi sancionada pelo Prefeito Luiz Barbosa de Deus em fevereiro de 2018”

E, concluiu o presidente da ALPA. “Como esse prédio foi construído no inicio da década de 1950, pela Chesf e doado para a ser a sede da Prefeitura, de 1959 a 1980, há a necessidade de reformas e melhorias que até o momento, passados três anos, não foram feitas pela prefeitura. E esta é a grande frustração que tenho, enquanto idealizador desse projeto pois esperava vê-lo concluído na minha gestão na ALPA e na gestão do prefeito que o aprovou.

Mas, há um tempo para todo o propósito debaixo dos céus, como assegura o livro de Eclesiastes, na Bíblia Sagrada e espero que na gestão do Dr. Isac de Oliveira, o grande Abel Barbosa, mentor da emancipação política de Paulo Afonso, tenha, enfim, a sua memória honrada e a ALPA tenha o pouso de que precisa.

Que cada um de nós se comprometa em dar o melhor de si, e colocar os seus talentos valiosos para que a ALPA seja, a cada dia, uma referência importante na cultura literária da região, do Nordeste, do Brasil e seja orgulho de todos nós que poderemos dizer: eu sou parte atuante desta Academia de Letras de Paulo Afonso e a ALPA somos todos nós.

Desejo todo o sucesso ao trabalho do novo presidente da ALPA e de todos os diretores desta Academia de Letras e, dentro das limitações de saúde e de idade, me coloco à disposição para ajudar nessa caminhada porque sabemos que, se chegamos até aqui foi porque “Até aqui nos ajudou o Senhor”. (I. Sm. 7:12)

Todos os novos diretores da ALPA destacaram o cuidado da atual gestão que se despede e asseguraram empenho para que esta instituição cultural cada vez mais conquiste os seus objetivos.

O presidente Isac de Oliveira disse em seu discurso, da sua alegria e responsabilidade ao assumir a direção desta Academia de Letras de Paulo Afonso e conclamou a todos os membros para que participem ativamente desta instituição para torná-la cada vez mais forte. E, dirigindo-se ao presidente que deixa este cargo: “Esteja certo, presidente Antônio Galdino, que este novo gestor da ALPA e os seus colegas diretores irão honrar o legado que o senhor nos deixa e trabalhar muito para que a ALPA alcance outros patamares pelo elevado nível dos seus membros.”

Ali estiveram, representantes dos três poderes. O presidente da Câmara, Vereador José Abel Souza, que tem sido grande parceiro da ALPA, assim como o seu antecessor, o ex-presidente Pedro Macário Neto, também presente, prestigiou este evento. 

O Secretário de Cultura e Esportes, Dernival Oliveira Jr., também representou o prefeito em exercício, Marcondes Francisco dos Santos que está em luto pelo falecimento do seu pai, pioneiro chesfiano, falecido no dia 17/10, aos 93 anos. Em sua homenagem fez-se um minuto de silêncio.

Em sua fala, o Secretário de Cultura falou de se buscar o apoio de deputados federais e senadores da República no sentido de se conseguir valores de emendas parlamentares para que se possa construir o Memorial Abel Barbosa. Sobre essa possibilidade, também lembrou a secretária geral da ALPA, citando os três vereadores presentes - José de Abel, Pedro Macário e Jean Roubert, este último membro da ALPA, para que também esses vereadores destinassem parte suas verbas de emendas impositivas, no valor anual de 340 mil reais, para este fim e se fizesse justiça e honra ao ex-prefeito Abel Barbosa em um espaço que vai contar a história do município.

A OAB foi representada pela Dra. Simone que trouxe uma mensagem desta instituição para o novo presidente da ALPA, que é advogado. Quem também esteve prestigiando o evento foi o ex-prefeito e ex-vereador José Ivaldo de Brito Ferreira, professor da UNEB.

Também presentes o comandante do Comando de Policiamento da Região Nordeste (CPR-NE) - Carlos César Albuquerque Pereira – Cel PM e o comandante do 20º Batalhão de Policia Militar (20º BPM) - Jailton Sena dos Santos - Ten Cel PM.

O Presidente do Conselho Municipal Cultura, Paulo Roberto, que também estava representando o Bispo Diocesano D. Guido Zendron e o Pastor Dênis, da ABAME e também o Pastor Manfrede, da Igreja Nova Aliança e familiares dos membros da ALPA, formaram uma seleta, atenta e silenciosa plateia (como discursou o presidente da Câmara, José Abel Souza), que levaram o seu abraço à nova diretoria que assume os destinos da ALPA no biênio outubro/2023 – outubro/2025

O Professor Antônio Bartolomeu, diretor da Aposchesf e da Loja Maçônica União do São Francisco. O advogado José Fernandes Neto e outros advogados também foram prestigiar o colega que assume a presidência da ALPA. Ali também estavam os médicos Dra. Aretuza, Dr. Luiz Carlos e Dr. Machado e muitos outros amigos da ALPA e do seu novo presidente.

As três lojas maçônicas de Paulo Afonso – União do São Francisco, Cachoeira da Luz e Cavaleiros de Acácia, também estiveram presentes assim como o Lions Clube, o Rotary Clube e o Sicoob.

A ALPA tem 40 membros mas 12 deles, os correspondentes, moram em outros Estados e municípios brasileiros, Recife, Salvador, Maceió, São Paulo e outros lugares. Os que moram em Paulo Afonso são 28, os membros fundadores e efetivos. Alguns estavam trabalhando (são professores ainda na ativa) ou em viagem ou com problemas de saúde. Estavam presentes nesta solenidade: Isac de Oliveira, Antônio Galdino, Marcos Antônio, Oscar Silva, João de Souza Lima, Roberto Ricardo, Edson Barreto, Lúcia Teixeira, Francisco Nery, Aníbal Nunes, Ivus Leal, Sebastião Leandro, Socorro Mendonça, Gorette Moreira, Socorro Araújo, Maciel Teixeira, Jotalunas Rodrigues e Jean Roubert.

Dezoito membros da ALPA estavam presentes. Oscar Silva, autor do Hino de Paulo Afonso, cantou este hino no início da programação e vez por outra interagia com canções como no momento em que o presidente Isac de Oliveira distribuía flores.

Três dos membros da ALPA presentes, são octogenários bem ativos: Sebastião Leandro (81 anos), o professor Roberto Ricardo (81 anos) e o professor Ivus Leal (83 anos). O Professor Roberto Ricardo comemorou os seus 81 anos em abril, com o lançamento (em março) de um importante livro que fala sobre as pessoas e a natureza do Vale do São Francisco. O Professor Ivus Leal, aos 83 anos, está se preparando para lançar mais um livro, concluído há dias...

“É a ALPA frutificando...” disse o professor Galdino.

Também participou desse evento o presidente da Academia Santabrigidense de Letras e Artes – ASLA, Marcos Antônio Lima, que é também membro correspondente da ALPA.

A ALPA externou o seu agradecimento aos funcionários da Câmara, operadores de som, de imagens e vídeos, da Copa, vigilantes, da comunicação, pelo apoio e aos da imprensa, presentes, como a assessora de comunicação da Câmara, Gabriela, a jornalista Ivone Lima, do site Painel, Simone, do site Paulo Afonso TEM, e Nilton Alcântara, do site SELIGANAMÚSICA, apoiando o Jornal e o site Folha Sertaneja, com fotos e vídeos.





ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

3 comentários


Isac de Oliveira

26/10/2023 - 09:00:45

Caríssimo confrade, editor da Folha Sertaneja e conselheiro editorial da ALPA, Prof. Antonio Galdino. A noite de posse da nova diretoria na Academia de Letras de Paulo Afonso, teve cuidadosa cobertura jornalística, aproveito-me da oportunidade para agradecer a impressa que se fez presente, o faço em nome da vossa pessoa, grande mestre e jornalista/escritor. A ALPA segue sob a direção de Deus, a me inspirar e encorajar a enfrentar esse grande desafio que me foi confiado. Obrigado a todos e todas quer compareceram a nos prestigiar.


Aníbal Alves Nunes

20/10/2023 - 21:52:01

Excelente reportagem sobre a posse da nova diretoria da Academia de Letras de Paulo Afonso. Neste intenso documentário nada mais justo que traçar uma retrospectiva sobre o seu dignificante trabalho ao longo desses 18 anos da nossa estimada ALPA. PARABÉNS, GALDINO!É o mínimo que podemos dizer.Deus abençoe sua trajetória, lhe proporcione muita saúde e felicidades ao lado dos seus familiares.


Evaristo Cavalcanti

20/10/2023 - 16:34:14

Parabéns pelo evento e votos de uma grande e fecunda administração pela nova diretoria.


Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (75)99234-1740

Copyright (c) 2024 - Jornal Folha Sertaneja Online - Até aqui nos ajudou o Senhor. 1 Samuel 7:12
Converse conosco pelo Whatsapp!