Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility
Regional

Ministério da Educação designa reitor temporário para a UNIVASF

Publicada em 13/04/20 às 20:39h - 752 visualizações

por Setor de Apoio à Comunicação da Reitoria - SEAC-GR


Compartilhe
Compartilhar a notícia Ministério da Educação designa reitor temporário para a UNIVASF  Compartilhar a notícia Ministério da Educação designa reitor temporário para a UNIVASF  Compartilhar a notícia Ministério da Educação designa reitor temporário para a UNIVASF

Link da Notícia:

Ministério da Educação designa reitor temporário para a UNIVASF
 (Foto: Divulgação)


O Ministério da Educação (MEC) publicou no Diário Oficial desta segunda-feira (13) a portaria nº 384, de 9 de abril de 2020 que designa o professor Paulo Cesar Fagundes Neves para o cargo de reitor pro tempore da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf). O ato ampara-se na Medida Provisória nº 914/2019 que trata sobre o processo de escolha de dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Ifes).

No caso específico da Univasf, a designação de reitor pro tempore ocorre em virtude do pedido de suspensão da lista tríplice à Reitoria da Univasf, elaborada pelo Conselho Universitário (Conuni), em novembro passado, e que está sub judice por decisão liminar do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5).

A liminar é motivada por ação judicial  movida por uma das chapas que concorreu aos cargos de reitor e vice-reitor para o mandato 2020-2024, na consulta informal junto à comunidade acadêmica e à lista tríplice, tendo o Conuni indicado à Reitoria o nome do professor Telio Leite, em primeiro lugar, e dos professores Ricardo Santana e Michelle Christini, em segundo e terceiro, respectivamente.

Em recurso apresentado por um dos citados no processo judicial em curso, o professor Telio Leite e reitor em exercício até a última sexta-feira (10), afirma a regularidade da formação da lista tríplice elaborada pelo Conuni. Telio Leite foi vice-reitor da Univasf em dois mandatos, 2012-2016 e 2016-2020, na gestão de Julianeli Tolentino.

Uma vez que o processo sucessório definitivo ainda aguarda a definição da lista tríplice encaminhada ao MEC, o cargo de dirigente da Univasf passará a ser exercido pelo reitor pro tempore professor Paulo Cesar Fagundes Neves, tão logo ocorra a solenidade de posse pelo MEC. Professor efetivo da Univasf desde 2006, Paulo Cesar é graduado em Medicina pela Universidade de Santo Amaro (Unisa) e doutor em cirurgia Interdisciplinar pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Até a data da posse do reitor pro tempore quem responde pela Reitoria da Univasf é o professor Alexandre Ramalho Silva, decano do Conuni.

(Setor de Apoio à Comunicação da Reitoria - SEAC-GR)




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (75)99234-1740

Copyright (c) 2022 - Jornal Folha Sertaneja Online - Até aqui nos ajudou o Senhor. 1 Samuel 7:12
Converse conosco pelo Whatsapp!