Terça-feira, 07 de Abril de 2020
Opinião

A floresta amazônica em chamas 2

“Aqui na França as pessoas não parecem muito ligadas no tema” – E o que diz o Le Monde sobre o assunto? Francisco Nery Júnior, de Toulouse na França para o jornal Folha Sertaneja

Publicada em 02/09/19 às 22:03h - 714 visualizações

por Francisco Nery Júnior - De Toulouse na França para o jornal Folha Sertaneja


Compartilhe
   

Link da Notícia:

Em Rondônia -Foto de Rogério Assis - Greenpeace  (Foto: Rogério Assis - Greenpeace)

Jamais tivemos a veleidade de duvidar que interesses nada republicanos comandem a publicação em massa de incêndios na Amazônia. A nossa visão, nada infantil já que a vida acaba quando acabam os sonhos, é de uma exploração compreensiva e responsável por parte exclusivamente dos brasileiros. Ainda sem veleidade, [isso] enquanto o mundo não chegar à conclusão que todos os povos são iguais em essência e que todos deveriam ser beneficiados pelas todas – repetindo, todas – riquezas do planeta.

Quanto à afirmação que a floresta pode virar um deserto por força da exploração em favor do desenvolvimento dos amazônidas, surge o argumento que o deserto do Sahara assim se formou sem a intervenção do homem, bem como sem a mesma intervenção, as placas tectônicas se deslocam.

Por outro lado, por que deveríamos “destruir” a floresta que é um dom da Natureza com sua fauna e flora e suas riquezas minerais? Por que não prezar a biodiversidade? Novamente ressaltamos a exploração responsável – que é possível.

Aqui na França as pessoas não parecem muito ligadas no tema. Pelo menos o cidadão comum no meio da rua. Entretanto verifique o leitor o que foi publicado no Le Monde de hoje, 30 de agosto:

“Os incêndios na África e na Amazônia são comparáveis?” E continua: “O Le Monde acompanha com atenção os incêndios que destroem a floresta amazônica. Mas focos de incêndios também acontecem na África subsaariana, sem no entanto suscitar o mesmo interesse. Na realidade, de igual gravidade, as duas situações não são menos diferentes.”

Para encerrar, continua o jornal: “A região abriga a bacia florestal do Congo. Se a floresta amazônica é por vezes considerada – um pouco precipitadamente – como o primeiro pulmão do nosso planeta, a floresta tropical congolesa pode ser apresentada como o segundo.” (Foto abaixo: Fogo na floresta do Congo - jornaleconomico.sapo.pt)

Francisco Nery Júnior - De Toulouse na França para o jornal Folha Sertaneja




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (75)99234-1740

Copyright (c) 2020 - Jornal Folha Sertaneja Online - Até aqui nos ajudou o Senhor. 1 Samuel 7:12