Sábado, 30 de Maio de 2020
Local

Secretaria de Saúde intensifica vacinação contra gripe em domicílio para idosos

Publicada em 06/04/20 às 19:19h - 251 visualizações

por Ascom/PMPA


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: Divulgação Ascom PMPA)


A Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Departamento de Imunização, continua intensificando a vacina contra a gripe, priorizando idosos a partir dos 60 anos que estão incluídas no grupo de risco no enfrentamento ao Coronavírus (Covid 19). Os profissionais da saúde estão seguindo um cronograma proposto pela gestão municipal, indo até as residências, de segunda a sexta das 8h às 17h. As medidas estão sendo tomadas para que os idosos permanecem em casa evitando assim as aglomerações nos postos médicos.

Com a pandemia, o Ministério da Saúde alterou o calendário regular de vacina com a suspensão até 15 de abril, com algumas exceções que não podem ser realizadas posteriormente. Os postos só estão disponibilizando as seguintes vacinas: BCG, Hepatite B em Recém Nascidos; VOP (Poliomielite Oral); Rotavírus, dT (nos casos de cortes) e Anti-rábica. Nesta primeira etapa que teve início em 23 de março estão sendo vacinados Idosos, a partir dos 60 anos, profissionais da saúde e povos indígenas.

“O Ministério da Saúde determinou a suspensão das vacinas regulares até o dia 15 de abril para que não haja movimento nos postos. Temos algumas que não podem deixar de ser dadas, devido ao prazo, então somente estas estarão sendo aplicadas", diz a coordenadora da imunização, Gleysa Vasconselos.

Ela reforça a importância dessas pessoas do grupo de risco esperarem em casa. "Pedimos aos idosos que tenham um pouco de paciência, a vacina vai chegar até vocês, nossas equipes estão empenhadas neste trabalho, mas a demanda é grande. Porém, não precisa se deslocar até as Unidades Básicas de Saúde (Ubs) para evitar aglomerações nos locais e contribuirmos na luta contra o coronavírus (Covid-19). A procura está sendo enorme, porém temos um compromisso de atender a todos", diz.

Na segunda fase da campanha, que terá início a partir do dia 16 de abril, o Ministério da Saúde incluiu como grupo prioritário os caminhoneiros, motoristas de transportes coletivos e portuários. Entretanto, o calendário segue com a vacinação para profissionais das forças de segurança e salvamento, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

Outra mudança no calendário foi com relação aos professores do ensino básico e superior, que devido a suspensão das aulas, entrarão na terceira fase que terá início no 9 de maio se estendendo até o dia 23. Nesta última etapa também estarão sendo imunizados as crianças de 6 meses a 5 anos, gestantes, puérperas, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos em cumprimento de medida socioeducativa, além de pessoas com deficiência e adultos de 55 a 59 anos. O dia D de mobilização nacional para a vacinação acontece no dia 9 de maio.

(Ascom/PMPA)




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (75)99234-1740

Copyright (c) 2020 - Jornal Folha Sertaneja Online - Até aqui nos ajudou o Senhor. 1 Samuel 7:12